13 de maio de 2010

Devaneio

Eu quero, mas não posso.. sou constantemente invadida pela sensação do querer mas não poder, do sentir mas não sentir, do magoar mas não chorar, do chorar mas não sofrer. Chega! Todos os dias é isso que digo, que não aguento mais, que não consigo lutar mais, que tudo o que passou já me fez sofrer tanto  e que o mundo todos os dias me desilude. Mas e agora? Agora é tempo de tomar uma atitude, de mudar, de entrar no novo ciclo da minha vida, de não ter medo dos meus pensamentos, de me lembrar que só eu os controlo e que não são eles que me controlam a mim. E que mais? Nunca mais quero passar o que passei, nunca mais quero sofrer o que sofri, nunca mais quero ser eu a culpada do que me acontece, nunca mais quero ser o que não sou. Hoje, exactamente a partir deste momento, quero tornar-me no ser mais forte que um dia já fui, no ser mais tranquilo que não treme com o inseguro, que não sofre com o que nem sequer existe. E por hoje chega, chega.

2 comentários:

Girl in Motion disse...

revejo-me um pouco neste texto. sobretudo na parte inicial. e, certos dias, também me levanto e digo: a partir de agora vais ser forte.

tanya disse...

Querida fanas, não desejes o impossível! Somos meramente humanos e não super seres. Tu és forte sim, isso eu sei, mas vão haver dias em que te vais sentir menos forte, chateada e desiludida com o mundo e sabes que mais: NÃO VAI FAZER MAL! Porque logo a seguir vais te lembrar das coisas maravilhosas que tens na tua vida e tudo o resto vai parecer menos importante! Há dias em que apetece mandar toda agente para outro lado, mas não vejo isso como uma coisa negativa (desde que não os mandes, é claro), é mesmo assim que somos, seres instáveis, imperfeitos e maravilhosamente complexos!

Beijinhos*